O Corinthians repetiu o script da semifinal com o Flamengo. O técnico Jair Ventura pensou assim: “se a retranca deu certo naquele primeiro jogo no Maracanã, por que não?”
O fato é que o Corinthians entrou fechado, recuado, precavido e  sem ambição de atacar. Pra ser sincero, o time até que foi um pouco melhor. Estava mais organizado no  meio de campo, mas faltava poder ofensivo.
Deu sorte de a bola ter batido na trave de Cássio umas duas vezes. E Cássio, pra variar, estava numa grade noite.
O placar de 1×0 dá vantagem ao Cruzeiro, mas o Corinthians saiu de campo aparentemente satisfeito. Vai jogar tudo na última partida, em casa, quando terá o apoio de sua eletrizante torcida.
Nada está definido.

4 Comentarios

  1. Mais uma vez, um gol de cruzamento na área, e contra. É desanimador…mas, estamos vivos…

  2. Esse time do Corinthians é inofensivo demais, tem que fazer uma partida praticamente perfeita pra levar esse título.

  3. Excelente resultado. O timeco 5ma11 tem totais condições de reverter esse placar e com certeza vai. O Cruzeireco já pode dar adeus ao título. E é um ultraje esse time capenga, que passou boa parte do ano mal das pernas, estar prestes a ganhar o 4° titulo mais importante da temporada brasileira e ainda por cima levar uma verdadeira bolada. Outra coisa que não engulo é Jair que não fez nada no Santos, ele dizia seu trabalho ser a longo prazo, pra chegar no 5ma11 e já levá-lo a uma final. É uma coisa inexplicável. Está tudo dando certo pra eles, mesmo quando deveria dar errado. O 5ma11 é a Cinderela do futebol brasileiro mesmo.

    • Vc assistiu o jogo? Corinthians é um time totalmente inofensivo, passa o jogo todo se defendendo, o goleiro do Cruzeiro simplesmente assistiu o jogo. Cruzeiro tem a faca e o queijo na mão, vai jogar do jeito que gosta, aliás o Cruzeiro joga muito bem fora, Ganharam do Porqueiras e Prantos fora de casa. Não me lembro de ver um Corinthians tão pobre tecnicamente como esse, decidindo uma final de campeonato. O Corinthians vai ter que jogar o que não jogou, se quiser o título. Eu não tô tão confiante assim!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare