Captura de Tela 2018-04-15 às 21.17.45
Quando o PSG foi eliminado da Champions pelo Real Madrid, muita gente decretou o fim do time francês. Era como se fosse uma obrigação, não apenas passar pelo Real de CR7, mas também ser campeão da Europa.
Poucas semanas depois, o Barcelona e o Manchester City também caíram, mas não houve tanta comoção como no caso de PSG. O pior é que esses gigantes perderam para duas zebras, respectivamente Roma e Liverpool.
Ontem, o Manchester City ganhou a Premier League por antecipação; e o Barcelona deve assegurar a Liga Espanhola daqui a duas ou três rodadas, no máximo.
Sim, o PSG, mesmo sem Neymar, também levantou o caneco na França antes da última rodada.
Todos os campeões – independentemente do fracasso na Champions – tem o direito de festejar, mesmo que alguém queira considerar esses campeonatos nacionais como uma espécie de “Paulistinha”.
O que estou querendo dizer é o seguinte: ser campeão da Champions não é uma obrigação para nenhum clube, assim como ganhar uma Copa do Mundo é uma missão ultra difícil para qualquer seleção. E, no final das contas, só um time chega no topo.
Captura de Tela 2018-04-15 às 21.17.30

4 Comentarios

  1. Essa ligas nacionais são fraquíssimas. Na Europa, só dá competição na CL. O resto está cada vez mais desprestigiado. Eu que não perco meu tempo vendo isso. 7×1? É isso mesmo?

  2. O campeonato inglês tá longe de ser um Paulistinha. É bem mais competitivo e tradicional. Cheio de timecos milionários, que compram quem bem entendem. Já o Francesão é completamente diferente. Um torneio ainda apático e desprestigiado, onde só um time tem um capital absurdo e que acaba se distanciando dos rivais. Logo, ele tem obrigação, sim, de ganhar e com louvor.

  3. PSG é muito superior tecnicamente, contra qualquer time francês. Não tem nem disputa de título, a disparidade técnica é absurda. Já o campeonato inglês é bem disputado, não é fácil ganhar.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare