Foi um dos episódios mais constrangedoras da TV brasileira. Entrevistado ontem ao vivo no programa ‘Seleção Sportv’, o corintiano Vagner Love alfinetou o apresentador e jornalista André Rizek.
O apresentador global estava mandando mensagens de parabéns para o goleiro Cássio, que também participava do programa, depois elogiou jogadores que rebatem jornalistas que eventualmente falam “bobagens”. Love, então, aproveitou a deixa e interrompeu o apresentador. “Como você falou, em 2015, né Rizek…”
Na ocasião, o jornalista fez críticas ao atacante em sua primeira passagem pelo Corinthians e disse que “Luciano (hoje no Fluminense), mesmo manco é melhor do que Vagner Love.” No fim do ano, o time foi campeão brasileiro com Vagner Love entre os destaques da equipe.
“Depois me desculpei”, disse o jornalista, que novamente foi provocado pelo atacante. “Eu sei… cinco dias depois”, rebateu Love. “Sim, foi porque quando eu vi o que falei, Love”, completou o jornalista, que continuou a ser cobrado pelo atacante por sua atitude.
“Quando a gente erra, se a gente comete um erro muito grande, temos que refletir no dia seguinte, se possível. Agora, cinco dias depois… Como fiz dois gols contra o Cruzeiro, aí você reviu sua críticas”, seguiu provocando o atacante.
O jornalista voltou a ser defender, afirmando que reviu sua crítica em vídeo e viu que não era cabível. “Ao ver esse vídeo, que eu não lembrava o que tinha falado, fiquei com vergonha do que eu falei e pedi desculpas”, disse Rizek, enquanto Love dava risadas e provocava. “Não lembrar o que fala é complicado, hein.” Por fim, o jornalista voltou a pedir desculpas ao jogador. “Acontece, mas se você não aceitou as desculpas eu peço de novo.” O clima de tensão, então, foi encerrado pelo jogador de 34 anos, que aceitou o pedido.
Você certamente já ouviu falar naquele ditado: “quem bate não se lembra, quem apanha não esquece”. Pois foi exatamente isso que aconteceu. Rizek esqueceu. Vagner Love, não. Quem bateu agiu por impulso, instinto, portanto é natural que não haja registros importantes em sua memória. Por outro lado, quem apanhou teve seu ego ferido, auto estima abalada e consequentemente não esquecerá facilmente ou carregará a mágoa consigo para sempre!

3 Comentarios

  1. Eu gosto de Vagner Love! 😍😍

  2. Vagner Love, tem estrela! Foi dele o gol que definiu o Hexa do BR 2015, no empate contra o Vasco. Agora no tri Paulista, foi dele o gol que definiu o título.

  3. Como diria Pelé: “Love, Love, Love”!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare