A equipe econômica do governo vem conversando com clubes de futebol para retomada dos jogos.

“Obviamente a portões fechados, porque nossa preocupação principal é com a saúde, seguindo protocolos para preservar também a saúde dos jogadores, do bandeirinha, dos massagistas. Terá protocolo com testes, inclusive para jornalistas”, afirmou o secretário especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, Carlos da Costa.

Ele, disse, porém, que ainda não há uma data definida com a CBF para retomada dos torneios.

“Mas o que a gente pode dizer é que será em breve, porque o povo brasileiro está em casa, quer assistir o seu jogo de futebol, os campeonatos têm que continuar. E óbvio, assim que as condições forem propícias, eles têm que continuar. Não tem por que impedirmos as empresas, desde que não tenha impacto na saúde, deixar de funcionar”, afirmou.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare