Captura de Tela 2018-01-26 às 17.52.54
Alex Muralha esperou pacientemente o momento em que foi negociado pelo Flamengo com o Albirex Niigata, do Japão, para tomar uma providência que nunca teve coragem de tomar: processar o jornal Extra, do Rio de Janeiro, por aquela polêmica capa em que saiu um comunicado contra ele.
O Flamengo havia perdido um jogo pela Primeir Liga (e foi eliminado do torneio), por causa de uma falha do goleiro.
O Extra informou que não usaria mais o apelido para se referir ao goleiro, que passou a ser chamado de Alex Roberto, seu nome de batismo.
Muralha reclama “danos morais” e quer ganhar uma grana do jornal que pertence às organizações Globo.

3 Comentarios

  1. Deve perder, é muito mimimi.

  2. Está-se criando uma indústria de indenizações, no Brasil, à semelhança da que existe nos EUA…

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare