O Atlético-MG já desenhou todo o acordo com o Banco BMG para 2019, informa Thiago Fernandos no UOL de Primeira. Dois dirigentes da alta cúpula do clube confirmaram à De Primeira que o valor fixo recebido pelo patrocínio irá superar os R$ 13,1 milhões acertados com a Caixa Econômica Federal em 2018. Os valores do Galo superam até o contrato do BMG com o Corinthians – R$ 12 milhões por ano.
O número exato não é revelado oficialmente e ainda pode aumentar. O clube aguarda a assinatura dos contratos para confirmar o montante que será recebido pela parceria. Assim como no acordo com o Corinthians, o Banco BMG pagará variáveis ao Atlético conforme a adesão de produtos que sejam ligados às duas marcas. Os detalhes, entretanto, não são revelados. Em nota oficial distribuída após a publicação desta reportagem, o Atlético-MG negou os valores apresentados.

2 Comentarios

  1. Mas é o Corinthians que é o melhor Gestor.

  2. O Corinthians perdeu seu maior investidor: Sr. Lula da Silva. Esse sim, investia alto no seu time de coração. Agora o cara tá preso por corrupção.!!!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare