Nos últimos 30 anos, a seleção brasileira contou com 12 diferentes técnicos no seu comando. Tite começa a Copa América com o extraordinário aproveitamento de 85,1%, superando o grande Mario Jorge Lobo Zagallo, que alcançou 80,2% de aproveitamento. 
Os números de Tite são impressionantes. 

9 Comentarios

  1. Grande eficiência e um total de zero títulos. Ótimo!

  2. O povo brasileiro é pior que Che Guevara levando seus opositores ao paredon, das duas derrotas uma foi um amistoso 1 x 0 para a Argentina na Australia e o segundo na Copa da Rússia, derrota para a Bélgica ,com um gol contra ,que disputou a final. Acho que o brasileiro tem probkemas emocionais, da mesma forma que endeusa uma pessoa para o cargo co segue destruí – lo no menor obstáculo. No Corinthians está acontecendo o mesmo com Carrille, infelizmente.

  3. A pouca paciência com ele se deve ao fato de ser muito identificado com o Corinthians…

    • Pouca paciência? A seleção foi abraçada mesmo depois do 7×1, Tite foi praticamente uma unanimidade. Teve nome gritado nos estádios, durante as eliminatórias, nem estão pedindo sua cabeça mesmo com tanta bola fora na copa e depois dela. Sinceramente, falta de apoio não teve.

      • Na imprensa há um murmurinho, desde a Copa, por sinal (antes mesmo da eliminação)…

        • Eu falei em relação a torcida e acho sim que ele teve um apoio gigantesco. E na imprensa também. Se ela teve um tom crítico, foi porque Tite fez/ faz muita coisa errada. Como não se impor em relação a Neymar e por algumas escolhas técnicas, o posicionamento de GJ, por exemplo, que foi sacrificado na Copa. Críticas que qualquer treinador receberia se fizesse o mesmo. Ainda assim, vi muito mais apoio que boicote. Mas enfim…

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare