No jornal Zero Hora –  O Grêmio obteve na última quinta-feira o ISO 9001:2008 na formação de atletas. Com a certificação, passou a ser o primeiro clube do país a alcançar tal recomendação — um diferencial de grande relevância na opinião da executiva de administração e planejamento tricolor, Christina Muniz.

— A gestão da qualidade é vital. Aliada ao profissionalismo, é o que te impulsiona para ir crescendo e atingir melhores resultados. Nosso primeiro movimento nessa direção foi em 2009, quando nosso escopo eram os associados, e a partir de 2012 iniciamos a identificação de processo e padronização de procedimentos na base — destacou.

O pioneirismo gremista ao obter a certificação pode ser explicado, em parte, pela dificuldade de trazer algumas metodologias no universo do principal esporte nacional.

— Esse padrão de organização de uma empresa qualquer é uma área que todo mundo acha que é impossível de implementar no futebol. Mas o futebol fica melhor quando adota práticas do mercado.

Francesco Barletta, coordenador técnico da base, destaca a padronização dos processos nas categorias inferiores do Grêmio — um mérito que compartilha com vários setores do clube. O efeito prático disso, comenta, é a evolução na “questão educacional, com atletas fazendo faculdade, como Pedro Rocha, na questão da psicologia do esporte, nutricional, administrativa, logística”, com o acesso de atletas mais preparados quando ingressam no elenco profissional.

Grêmio: destaque em gestão de qualidade
Grêmio: destaque em gestão de qualidade

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare