No jornal O Globo (Coluna Lauro Jardim) – Na cúpula da Rio-2016, há um abacaxi de boas proporções para ser descascado. E ainda não se chegou a qualquer conclusão sobre o que fazer.

O problema pode ser resumido com as três perguntas que se seguem: Lula e Dilma Rousseff devem ser convidados para a cerimônia de abertura das Olimpíadas? Se forem, onde devem se sentar? Ao lado de Michel Temer?

Ninguém tem dúvida da importância de Lula para que o Rio de Janeiro fosse escolhido como cidade-sede. E Dilma pode ter sido — e foi —um desastre como presidente, mas nunca negou apoio financeiro e logístico ao evento. A saída protocolar óbvia, portanto, seria convidá-los.

Mas essa decisão não foi tomada ainda. Avalia-se também chamar todos os ex-presidentes da República para diminuir a tensão. Talvez o ideal, se a dupla Lula e Dilma for ao Maracanã no dia 5 de agosto, será colocá-la bem distante de Temer — como as torcidas num Fla-Flu.

A única coisa certa neste mar de dúvidas é: Lula, Dilma e Temer não escaparão  de tomar uma estrondosas vaia.

Temer-Dilma-e-lula

2 Comentarios

  1. Trilha sonora da abertura dos Jogos: The Godfather, rs.

  2. DILMA E LULA NÃO IRÃO! MAS TEMER VAI ENCONTRAR A SUPER-VAIA LÁ MESMO! E DEPOIS, SERÁ O CAOS NAS RUAS…………….. MILHARES DE JORNALISTAS E EQUIPES DE JORNALISMO INTERNACIONAL….
    E MILHÕES DE VISITANTES ESTRANGEIROS… JÁ JUNTARAM TUDO, CERTO?
    AGORA É SÓ SACUDIR… TEMER E OS GOLPISTAS VÃO TER QUE SE ESCONDER! KKKKKK!

    Esmeraldo Cabreira Mestre e Doutor UFRGS.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare