Paulo Nobre deixou o comando do Palmeiras no fim de 2016 e ajudou a eleger o seu sucessor, Maurício Captura de Tela 2017-01-15 às 17.46.29Galiotte. No começo deste ano, no entanto, os dois romperam relações. O novo presidente decidiu revogar a decisão do antecessor de vetar o nome de Leila Pereira no time de conselheiros do clube. Ela é dona da Crefisa, a atual patrocinadora do time.

A companhia está negociando a renovação do contrato e sinalizou que pretende investir 100 milhões de reais no Verdão em 2017. Nas últimas semanas, Leila tirou do próprio bolso 10 milhões de dólares para a contratação de jogadores. Entre contrariar o seu fiador político e a principal financiadora do time, Galiotte escolheu a primeira opção.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare