Dez entre dez comentaristas esportivos estão esculachando o Derbi desta quarta-feira. “Isso está bem à altura de um “Paulistinha”, dizem os mais exaltados, numa alusão à polêmica de 2018, quando o presidente do Palmeiras tentou diminuir a importância do torneio, após uma arbitragem pra lá de polêmica.
Em síntese, o que podemos dizer é que a grande final do Campeonato Paulista de 2020 começou sem gols. Ponto. A partir daí as críticas podem se intensificar. 
Foi um jogo truncado e de poucas chances. Isso também pode justificar o mau humor dos analistas, mas é preciso levar em conta a ausência de torcedores nos estádios.
Sem o grito da arquibancada, é natural que os jogadores não tenham o mesmo ímpeto. Isso sem falar no fato de estarmos praticamente no início da temporada, porque a paralisação de quatro meses deixou todo mundo na estaca zero.
Mas não foi um Derbi tão sonolento assim. Eu vi o Corinthians melhor no primeiro tempo, com uma defesaça de Weverton (parecida com a de Gordon Banks, na final da Copa de 1970); mas, após o intervalo, o Palmeiras dominou.
São dois times parelhos, que podem ter guardado todas as emoções para o segundo jogo da decisão. 
Vamos aguardar. É depois de amanhã.

6 Comentarios

  1. A pior final que já vi, parecia qualquer coisa menos futebol. Não tem nem o que comentar.

  2. Que deprê. Será que é essa situação que estamos vivendo, que nem uma final anima o torcedor? Ou é só a ruindade dos times mesmo? A questão é que o 5ma11 jogou a responsabilidade pra Porcada.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare