Maycom e Rodriguinho, duas baixas

No site ‘Meu Timão’- O momento vivido pelo Corinthians não é dos melhores. Além da derrota para o São Paulo por 3×1, na noite deste sábado marcou também a saída de mais um titular alvinegro. Após Balbuena, Sidcley e Maycon, o meia Rodriguinho foi anunciado pelo Pyramids, do  Egito. Com a despedida, o Timão se isolou como o time que mais perdeu peças do 11 inicial na atual temporada.

Com as quatro baixas, o Corinthians deixou Atlético Mineiro e São Paulo, com três cada uma para trás. Enquanto o time de Minas Gerais perdeu Bremer, Otero e Roger Guedes, o rival corinthiano viu Cueva, Petros e Marcos Guilherme serem negociados.

Nos dois casos, vale destacar, um dos jogadores vez ou outra apareciam no banco de reserva, algo que não ocorria com nenhuma das peças do quarteto alvinegro – todos os atletas eram titulares tanto com Carille quanto com o técnico Osmar Loss.

A situação, vale destacar, pode piorar. Com a janela aberta, a Fiel ainda se preocupa com as manutenções de nomes como Fagner e Romero. Além da dupla, alguns reservas também têm despertado interesse do exterior, casos de Mateus Vital, que teve proposta do Shakhtar Donetsk recusada pelo Corinthians, e do jovem Pedrinho.

5 Comentarios

  1. Os seguidos desmanches tornaram-se uma realidade insuperável, no PSJ, pela ânsia de dinheiro de seus dirigentes. Dinheiro do qual, da parte que entra na contabilidade do Clube, boa parte se perde no “dia-a-dia”, como Bob “Banana” Andrade já havia dito, durante a sua profícua gestão….

  2. DInheiro para o Clube é bem pouco, o Corinthians virou barriga de aluguel, coloca jogadores de outros clubes na vitrine corinthians, vende e rece uma merrequinha.Assim caminha a mediocridade. Já sugeri a comissão de esporte para que o passejogadores formados nos Clubes sejam 100% do clube até os 16 anos, 80% até os 18 e 60% até 21 anos, a partir dos 21 o clube formador negociaria como atualmente é feito.Hoje os clubes formam jogadores e muita gente ganha em cima, o clube formador é o que ganha menos, mal dá para investir nos jovens.O Corinthiano não edpere muito daqui para frente, o Corinthians está quebrado como o Brasil está quebrado em dívidas.

  3. Verdade. Não consegue segurar um jogador.

  4. Vender não é o problema. O problema é vender por preço de banana, e depois ficar desesperado atrás de jogador, pra repor, pagando valores parecidos com a venda.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare