Captura de Tela 2018-04-14 às 10.51.28
Hoje o Santos comemora 106 anos, consolidado como um dos grandes clubes brasileiros. Foi o time que revelou Pelé, o melhor jogador de todos os tempos; e Neymar, o melhor brasileiro da atualidade e um dos maiores do mundo.
Mas, em meio a essa comemoração, uma notícia nada animadora para os fãs do Peixe. O economista Fernando Ferreira, da Pluri Consultoria, ao analisar uma pesquisa Datafolha publicada ontem, retratando o cenários dos torcedores de futebol em nosso país, chegou à seguinte conclusão:
“Se nada ocorrer de diferente na captação de novos torcedores, Botafogo, Fluminense, Santos e Bahia perderão cerca de 30% de sua torcida dentro dos próximos 20 anos”.
É duro admitir isso, mas, em se tratando de números, esse Fernando Ferreira é um craque. Eu não duvido disso.
FUTEBOL x POLÍTICA
Outras conclusões de Fernando Ferreira sobre o Datafolha:
– A torcida com mais indivíduos que preferem o PT como partido político é a do Bahia (50%), enquanto as menos Petistas são as do Santos (8%), Botafogo (12%), Fluminense e Grêmio (13% cada);
– A torcida com mais simpatizantes do PSDB são as de Santos (8%), São Paulo (7%), Flamengo e Inter (5% cada), enquanto que as de Vasco e Grêmio (1% cada), Cruzeiro, Atlético-MG e Bahia (2% cada) são as menos simpatizantes;
– O PMDB tem mais admiradores nas torcidas de Vasco (10%) e Atlético-MG (7%), e menos nas de Flamengo, São Paulo e Bahia (3% cada).

13 Comentarios

  1. O que eu acho preocupante é o desinteresse dos jovens pelo futebol. Quando meu filho retratou, outro dia, o quão “modinhas” são os que se dizem torcedores, na turminha dele, da escola, fiquei estarrecido. Esses moleques ou não torcem pra ninguém ou vivem com uniformes de times europeus. Ou então, quando se dizem torcedores de times daqui de SP, nada ou pouco sabem sobre os mesmos e não acompanham assiduamente. Triste cenário para aquele que é o País mais importante da história do futebol. E o quão diferente da minha infância. É desolador…

  2. Um dado que se extrai por inferência, dessa pesquisa, é que a torcida do Corinthians é uma das mais representativas do pensamento político médio brasileiro. E, possivelmente, a mais plural…

  3. Qual o embasamento desse senhor para essa previsão? Os citados perderão torcida pelo mesmo motivo? Se é que vão perder tanto assim. E se eles engatarem uma boa sequência de títulos? Isso não vai virar o jogo? Na época das vacas gordas do Timeco do Morumbi, vi muita pesquisa desse tipo apontando que eles tinham potencial para se tornar a maior torcida de São Paulo, apostavam que o time era realmente diferenciado e se manteria no topo pra sempre. As crianças que cresceram vendo esse time campeão renovariam a torcida, mas e aí? Uma década depois e o timeco só lota o estádio com promoção do ingresso. Não dá pra garantir nada. Se houver essa diminuição de torcida, será para todos. É notória a mudança de perfil do jovem brasileiro, e não é só por estarem interessados em futebol europeu, mas em outras formas de entretenimento. Muitos curtem games eletrônicos (ranço), – tem até campeonatos disso e que já foi matéria do Esporte Espetacular – e esse negócio de youtube. Essa pesquisa, em alguns pontos, tá muito preto no branco, sem nenhum tipo de aprofundamento e reflexão. E alguns dados são até contraditórios.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare