Quando joga em casa, o Athletico não costuma respeitar ninguém. Naquele gramado sintético, muitos gigantes já sofreram um bocado. Basta citar o Grêmio como o exemplo mais recente, mas nas já teve o Boca Juniors e muitos outros.
Ontem, contra o Internacional , no primeiro jogo da final da Copa do Brasil, o Firacão fez valer o mando de campo e saiu na frente, com um gol de Bruno Guimarães, e deu importante passo em busca da inédita conquista.
O time paranaense jogou melhor o primeiro duelo da final. Teve até chance de ampliar a vantagem, mas parou em Marcelo Lomba. O Inter, mesmo assim, foi guerreiro e buscou o empate até o fim. Mas pecou na pontaria. O fato é que as duas equipes protagonizaram uma emocionante partida.

4 Comentarios

  1. Há controvérsias, quanto foi Athletico x Boca Junior? Acho que é incompetência mesmo.

  2. Não achei tão emocionante, não. O Entregacional fez o que fez no Maracanã, contra o Meiguinho, ou seja, um ferrolho defensivo. Não sei quem foi que disse que “insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes”…

  3. Isso é mesmo verdade? Sempre achei lorota do time que é derrotado. Mas o Inter deve conseguir reverter.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare