Com a renúncia dias atrás  da Primeira Ministra Theresa May, o Reino Unido tem agora diante de si três opções para enfrentar o enorme desafio do Brexit:
1) Sair da União Européia  com algum acordo e um período de transição;
 2) Sair abruptamente, sem acordo com a União Européia;
 3) Permanecer na União Européia.
Em qualquer uma desses cenários, é bastante provável um novo adiamento, até que todas as dúvidas sejam discutidas e bem esclarecidas.
Enquanto isso, especula-se os danos que essa possível ruptura venha a causar ao futebol britânico. Esta semana , por exemplo, Chelsea e Arsenal decidiram a Liga Europa; e hoje tem a grande final da Champions entre Tottenham e Liverpool.
Ou seja, o futebol no Reino Unido é um enorme sucesso dentro e fora de campo, mas os clubes ingleses podem sofrer um duro golpe caso o Brexit seja aprovado. Hoje em dia, o número de estrangeiros atuando na Inglaterra – atletas e/ou treinadores – já é maior do que os nativos.
Em 2018, os ingleses foram os que mais importaram jogadores, de acordo com dados da Fifa, com um total de 728 profissionais, seguido por Itália (638) e EUA (575).
Na outra ponta do processo, o Brasil continua sendo, disparado, o país que mais exporta craques para o mundo. No ano passado foram 1.330. A França, em segundo lugar, aparece com 867 atletas, seguida por Argentina (820); e Sérvia (458).

4 Comentarios

  1. Mas os jogadores vão poder se naturalizar?

  2. Não teria que, necessariamente, afetar o mercado de atletas, nem a participação nas competições continentais, salvo decisão em contrário da UEFA…

  3. Estou assistindo a pior final da Champions de todos os tempos, Jogo feio, Juiz feio e o cara do VAR mais feio ainda, acho que ele foi ao banheiro fazer o número 2 na hora que apitador dar um penalt, menos penalt da história do futebol. Simplesmente ridiculo.

  4. Estou assistindo a pior final da Champions de todos os tempos, Jogo feio, Juiz feio e o cara do VAR mais feio ainda, acho que ele foi ao banheiro fazer o número 2 na hora que apitador dar um penalt, menos penalt da história do futebol. Simplesmente ridiculo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare