O jornal `Marca` desta quarta-feira abre manchete em sua edição impressa para o interesse do Real Madrid pelo zagueiro Militão, ex-São Paulo. O negócio, neste momento, envolve cifras de  € 42 milhões, mas o clube espanhol tem pressa porque em junho o preço do jogador sobe para  € 50 milhões.
Vale lembrar que Militão foi vendido em junho do ano passado pelo São Paulo ao Porto pela bagatela de  € 7 milhões, sendo que o tricolor embolsou apenas  € 4 milhões desse valor.
Nenhuma surpresa em mais essa transação que envolve jogadores brasileiros pelo o F.C. Porto. Nos últimos anos, com sua estratégia de comprar barato na América do Sul e depois revender por muito dinheiro na Europa, o clube português enche o caixa a cada temporada. Seus lucros em 15 anos, segundo cálculos da mídia européia, superam R$ 2 bilhões.
Os jogadores mais caros que o Porto já revendeu foram Huck (€ 60 milhões), James Rodriguez  e Falcao Garcia (€ 45 milhões). Militão será então o quarto melhor negócio da história do clube.
O São Paulo está torcendo para que o Militão seja vendido logo, porque teria direito a uma comissãozinha 10%. Uma migalha.
No portfólio do Porto tem uma infinidade de jogadores brasileiros que renderam milhões e milhões de euros. Gente como Danilo (Real Madrid); Fernando (Manchester City); Paulo Assunção (Atl. de Madrid); Anderson (Manchester United); Pepe (Real Madrid); Diego (Werder Bremen); Luis Fabiano (Sevilla); Thiago Silva (Dínamo Moscou); Deco (Barcelona)… Todos foram comprados baratos e revendidos a peso de ouro.
E ainda dizem que os portugueses é que são os `burros`…

7 Comentarios

  1. Caraca. É sério que o Flamengo vai pagar 63 milhões no Arrascaeta?

  2. Times portugueses, são otimos vendedores!

  3. Brasileiros também não são burros, único que não ganham nas negociações , são os Clubes.

  4. Não há ingênuos nessa história…

  5. Não tem como um jogador sair daqui valorizado como sai de um clube europeu, ainda que menor. Neles, ele tem a oportunidade de se adaptar ao novo continente e estilo de jogo europeu sem tanta pressão. Quando sai daqui, ainda é muito cru, sem experiência e como promessa, muitas vezes. Claro que há exceções, mas só quando o jogador se mostra ou, pelo menos, aparentar ser excepcional.

  6. No Futuro vcs verão como estará o Flamingo.Está sendo administrado como o Brasil pós FHC, FHC vendeu um grande número de grandes Estatais para colocar a dívida pública administrável, com pagamento baixo de juros.O Lula/PT recebeu o país com 850 bilhões em Dívida, entregou em 2016 com 4 trilhões de dívidas, o Flamingo já fez essa besteira e não ganhou nada na época do trio, Edmundo, Savio e Romario.O Presidente que saiu era um bom Gestor, pena que não conseguiu títulos, era só ter um pouco de paciência, esse novo, entrou , viu as contas em dia, vai arruinar o Flamingo de novo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare