Levantamento do blog Drible de Corpo, do jornalista Marcos Paulo Lima (Correio Braziliense) aponta que o campeão da Copa América nunca conseguiu ser campeão do mundo no ano subsequente. Veja o histórico a seguir:

Chile-1440x960

1930

Campeã da Copa América de 1929, a Argentina chega à primeira edição do Mundial como melhor time do continente, mas perde a decisão para o Uruguai, no Estádio Centenário, em Montevidéu.

1934

Um racha entre Argentina e Uruguai após a final do Mundial de 1930 deixou o continente cinco anos sem Copa América. O título seguiu com a Argentina, eliminada pela Suécia na Copa de 1934, na Itália.

1938

A Argentina derrotou o Brasil na final da Copa América de 1937, mas abriu mão de disputar o Copa do Mundo de 1938 por considerar que tinha o direito de receber o torneio devido ao sistema de rodízio.

1950

Campeão sul-americano com direito a 7 x 0 sobre o Paraguai na final de 1949, o Brasil perdeu a final da Copa do Mundo de 1950 para o arquirrival Uruguai, na tragédia conhecida como Maracanazo.

1954

Detentor do título conquistado em 1953, no Peru, o Paraguai nem sequer conseguiu vaga para participar da Copa do Mundo de 1954, na Suiça. Foi eliminado pelo Brasil nas Eliminatórias.

1958

Uma das melhores seleções da Argentina em todos os tempos conquistou a Copa América do Peru, em 1957. Na Copa do Mundo, deu adeus na primeira fase. O vexame foi batizado de “Desastre da Suécia”.

1962

A Argentina conquista em casa o Sul-Americano de 1959, mas volta a dar vexame na Copa do Mundo. A seleção portenha dá adeus na primeira fase do torneio disputado no Chile.

1966

Campeã invicta dentro de casa da Copa América, a Bolívia fracassou nas Eliminatórias na chave de Argentina e Paraguai e não se classificou para o Mundial da Argentina.

1970

Vencedor da Copa América de 1967, o timaço do Uruguai foi ao Mundial do México, em 1970, mas deu um azar danado: deparou-se com a Seleção Brasileira e deu adeus nas semifinais.

1974

A Copa América de 1971 não foi disputada devido a problemas econômicos. Portanto, o Uruguai foi à Alemanha como campeão, mas rodou na fase de grupos, diante de Holanda, Suécia e Bulgária.

1978

Campeão da Copa América de 1975 com a melhor seleção da sua história, o Peru perdeu três partidas nas quartas de final no Mundial da Argentina, uma delas polêmica, para os anfitriões da Copa.

1982

Depois de derrotar o Chile na final de 1979 da Copa América, o Paraguai levou o troco do adversário nas Eliminatórias e não conseguiu vaga para o Mundial da Espanha.

1986

Campeão mundial em cima do Brasil na Copa América de 1983, o Uruguai foi despachado  pela Argentina, de Maradona, nas oitavas de final da Copa do Mundo do México.

1990

Vencedor em casa da Copa América após 40 anos de jejum, a Seleção Brasileira cai nas oitavas de final da Copa do Mundo da Itália diante da Argentina, no jogo da água batizada e do gol de Caniggia.

1994

Campeã  da Copa América em 1993, no Equador, diante do México, a Argentina chega aos EUA como melhor time do continente, mas dá adeus nas oitavas de final diante da Romênia.

1998

Em 1997, deu Brasil na Bolívia, quando Zagallo disparou a famosa frase: “Vocês vão ter que me engolir”. No ano seguinte, a Seleção até chegou à final da Copa do Mundo, mas a França venceu por 3 x 0.

2002

Campeã inédita dentro de casa na Copa América de 2001, a Colômbia passou longe da Copa do Mundo realizada no Japão e na Coreia do Sul. O país nem sequer foi aprovado nas Eliminatórias.

2006

Campeão da Copa América de 2004 nos pênaltis após uma emocionante decisão contra a Argentina, a Seleção Brasileira chega ao Mundial da Alemanha como favorita, mas cai nas quartas diante da França.

2010

Dunga, o capitão do tetracampeonato, leva o Brasil ao bicampeonato da Copa América em 2007, na Venezuela, com vitória por 3 x 0 sobre a Argentina. Na Copa, dá adeus diante da Holanda, nas quartas.

2014

O Uruguai chega à Copa de 2014 como campeão da Copa América de 2011. Avança às oitavas de final no grupo da morte contra Inglaterra, Itália e Costa Rica, mas é eliminado pela Colômbia nas oitava de final.

2018

Campeão da Copa América em casa em 2015 e bicampeão na edição centenária de 2016, o Chile não se classifica para a Copa da Rússia. É eliminado na última rodada.

1 Comentário

  1. Ao procurar o tapetão cucaracho, os chilenos foram vítimas de sua própria incúria: ganharam dois pontos em cima da Bolívia e deram três ao Peru. Feitiço contra o próprio feiticeiro…

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare