chapecoense-1024x673
No Brasil e no mundo inteiro, todos querem ajudar à Chapecoense. São Paulo, Grêmio, Santos, Cruzeiro e Palmeiras foram alguns dos mais de dez clubes brasileiros que procuraram a Chapecoense nas últimas horas para sugerir a realização de amistosos. Todos, é claro, pretendem abrir mão da bilheteria, em favor da equipe catarinense.
O trauma da tragédia não será esquecido nunca, mas a Chapecoense terá condições de remontar a sua equipe rapidamente. Para que se tenha uma idéia, nesta terça-feira o técnico Levir Culpi revelou em sua conta no Twitter que se ofereceu para treinar a Chapecoense de graça até o fim do próximo Campeonato Catarinense, em maio de 2017.
Atualmente, o treinador está sem clube após a demissão do Fluminense, com quem ganhou a Primeira Liga. Seu trabalho mais destacado nos últimos anos foi pelo Atlético-MG, onde foi campeão da Copa do Brasil, do Mineiro e da Recopa Sul-Americana.
Além de tudo isso, somente pelo título da Copa Sul-Americana, a premiação será de R$ 17 milhões.

1 Comentário

  1. A melhor forma de ajudar é financeiramente mesmo. Esse lance de imunidade por 3 anos é anti-desportivo e até um desrespeito com a própria Chape, e ela foi muito digna em não aceitar isso, se aproveitar da boa vontade dos clubes para se dar bem. Parabéns!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare