Se no Campeonato Brasileiro o Corinthians aparece entre as últimas colocações, em um incômodo ranking a equipe alvinegra lidera com folgas outra incômoda tabela. Conforme publicado pelo UOL Esporte, um levantamento da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) apontou o Timão como clube que mais deve para a União no país. De acordo com o estudo, o Corinthians deve R$ 858,2 milhões para o meio público.
O montante, cabe destacar, não inclui a dívida pelo estádio e diz respeito aos débitos tributários e previdenciários, Imposto de Renda, CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido), PIS e Cofins, FGTS e INSS. Mais de R$ 100 milhões, vale destacar, são referentes ao FGTS, que o clube não depositava aos seus funcionários desde 2018.
Em julho deste ano, a direção corinthiana confirmou acordo com a União para parcelar o montante referente ao imposto. O valor do débito do Corinthians está muito acima dos demais clubes do país. O segundo coloca, por exemplo, é o Cruzeiro, que hoje briga contra o rebaixamento à Série C.
Afundado em dívidas e em crise que já resultou na queda para a segunda divisão, o clube mineiro tem R$ 341,7 milhões em pendências com a União – menos da metade da dívida alvinegra.

2 Comentarios

  1. Tomara que o próximo presidente faça uma boa gestão.

  2. 😱😱😱😱😱😱😱😱😱

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare