Quarenta milhões de torcedores, contas em dia, atletas consagrados no elenco e grandes títulos conquistados. O ano dourado de 2019, que pode ficar ainda maior com a conquista do título mundial, credencia o projeto interno do Flamengo de se tornar o primeiro clube global do Brasil. A meta, ainda distante, é ter uma marca internacionalmente conhecida como a dos gigantes europeus como Barcelona, Real Madrid ou Manchester United. Nesta semana, o clube deu mais um passo importante: fechou um acordo com a Amazon para produzir um documentário sobre a disputa do Mundial de Clubes no Catar.

A informação sobre a parceria foi divulgada pelo colunista Ancelmo Gois, do jornal O Globo, e confirmada por VEJA nesta terça-feira, 10. Dependendo do resultado no Mundial, o acordo com a Amazon pode render 1 milhão de dólares (o equivalente a 4,5 milhões de reais, pela cotação atual) ao clube, que neste ano já faturou mais de 80 milhões de reais pela premiação dos títulos do Brasileirão e da Libertadores. A série, que mostrará os bastidores da equipe no Catar, é a mais nova aposta da Amazon Prime, serviço de streaming recém-chegado ao país.

2 Comentarios

  1. O 5ma11 já sonhou esse sonho e num deu em nada. É mais difícil do que se imagina. Gente, vamos ter mais os pés no chão, não é complexo de vira-lata, mas não tem como. Eles estão anos-luz na nossa frente, em todos os sentidos.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare