A Odebrecht adiou mais uma vez a assembleia de credores que pode oficializar a diminuição (ou até mesmo a quitação total) da dívida relacionada ao fundo que administra o estádio. A nova reunião acontecerá apenas no dia 5 de março, exatos dois meses após Duilio assumir a presidência do clube.
O site Meu Timão teve acesso à ata da Assembleia dos Credores da Odebrecht. Documento diz que “Colocadas em votação, as suspensões das AGCs da Recuperanda OEB para o dia 11 de fevereiro de 2021 e das Recuperandas OPI e OPE para o dia 05 de março de 2021 foram todas aprovadas por aclamação”.
No caso do estádio do Corinthians, a quitação perante à empresa está ligada à OPI (Odebrecht Participações e Investimentos S.A). O fundo que administra a Arena tem valores pendentes de empréstimos/debentures, porém, a empresa considera retirar os valores da conta final por considerá-la possível de não quitação.
A diretoria do Corinthians espera essa resolução da Assembleia dos Credores da Odebrecht em março para confirmar a redução da dívida ou até mesmo a quitação da mesma.

1 Comentário

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare