O Flamengo disse “não” a Eduardo Bandeira de Mello e elegeu o candidato da oposição. Com 1.879 votos, a Chapa Roxa venceu a eleição deste sábado e Rodolfo Landim assumirá a presidência do Rubro-Negro (a posse será na segunda quinzena de dezembro). Candidato da situação, Ricardo Lomba, da Chapa Rosa, ficou com o segundo lugar (1.097 votos). O novo presidente garante que a prioridade do futebol será a conquista de títulos.
Os flamenguistas cansaram de ficar só no “cheirinho”.

4 Comentarios

  1. Por que? Esse daí é o “fedidinho”?

  2. Grande parte da evolução que o Flamengo obteve nos últimos anos se deve ao Rodolfo Landim. Foi ele o responsável por implantar o novo modelo de gestão no Clube no primeiro ano da presidência do Bandeira em 2013.
    Empresário, grande gestor, inteligente, reconhecido internacionalmente e honesto. Que faça uma boa administração!
    Vale lembrar que ele receberá o Flamengo com um CT de ponta, referência internacional; e com um orçamento de R$ 750 milhões, sendo R$ 200 milhões para serem investidos exclusivamente no futebol (metade para contratações).

  3. Por que não reelegeram Bandeira e sua tão elogiada administração financeira? O que a falta de títulos não faz?

  4. No Brasil aparecem grandes gestores quando estão fora do clube ou dos Governos, quando assumem, passam a gerarem só Desculpas esfarrapadas, esperamos que realmente esse novo presidente do Flamengo faça uma boa Gestão, pois o Brasil e principalmente o Rio de Janeiro está necessitando muito, mas muito mesmo de Gestões, peo menos, razoável.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare