Semanas após o anúncio do que foi até então a bomba do verão, a contratação de Leo Messi pelo Paris Saint-Germain, Cristiano Ronaldo ‘boicotou’ o movimento ao retornar ao Manchester United e monopolizar todos os holofotes.  Com o regresso a Old Trafford, a camisa do astro português tornou-se a mais vendida da história após a contratação de um jogador por uma equipe, conforme noticiado pela revendedora de camisolas Fanatic.
Essa mudança de clube do atleta mais popular do mundo (tem mais de 500 milhões de seguidores nas redes sociais) causou euforia nos torcedores de todo o mundo.  Mas ele não só superou a todos no que diz respeito à influência, mas sua transferência também o tornou o jogador de futebol mais bem pago do mundo, de acordo com o ranking da Forbes.
Ronaldo vai faturar nesta temporada quase 107 milhões de euros brutos, incluindo um salário próximo de 60 milhões e mais de 40 milhões de ganhos com patrocínios pessoais e parcerias com marcas como Nike, Herbalife ou a marca CR7, que tem perfumes, roupas, hotéis e academias , entre outros.  Apenas três atletas têm mais ganhos comerciais: o tenista Roger Federer (aproximadamente 77 milhões), o jogador de basquete LeBron James (55,5 milhões) e o jogador de golfe Tiger Woods (51 milhões).
Com isso conseguiu superar Leo Messi, seu maior rival em toda a carreira.  O argentino, após sua contratação pelo Paris Saint-Germain, passou a faturar cerca de 94 milhões de euros brutos, com um salário de 64 milhões, mas com lucros comerciais menores.  O ex do Barcelona é patrocinado por empresas como Adidas, Pepsi ou Budweiser.
Os próximos dois jogadores de futebol mais bem pagos também pertencem à equipe  parisiense.  O pódio é completado pelo brasileiro Neymar, que aos 29 anos e após sua renovação pelo clube francês fatura 81 milhões de euros, apesar de ter o mesmo salário de seu companheiro de equipe Messi.  Em quarto lugar está Kylian Mbappé, longe das figuras do brasileiro e do argentino.
O futebolista francês, que termina o seu contrato no próximo ano e tudo indica que vai acabar no Real Madrid, o que o fará dar um salto económico ao se tornar a grande estrela do clube branco, recebe cerca de 37 milhões de euros.  Seu salário em Paris é de “apenas” 24 milhões, 37,5% do que seus colegas recebem.
OUTROS MILIONÁRIOS 
O atacante egípcio Mohamed Salah completa o top 5, com faturamento de 35 milhões de euros, valor muito próximo ao de seu antecessor na lista.  O espanhol Andrés Iniesta, de 37 anos, chega furtivamente ao top 10 como o único jogador de uma seleção não europeia presente na lista.  O ‘Mágico de Fuentealbilla’ recebe quase 30 milhões de euros em Vissel Kobe, o mesmo que Lewandowski ganha como jogador do Bayern.
Paul Pogba, que como seu compatriota Kylian Mbappé está no último ano de contrato, recebe 29 milhões de euros brutos anuais.  A lista é completada por dois jogadores do Real Madrid: Gareth Bale (27,3 milhões) e Eden Hazard (24,7 milhões), que recebe o mesmo salário do galês, mas cuja receita comercial é a metade do seu parceiro.

1 Comentário

  1. Ainda esses três? Faz tempo. Tá bom de mudar. Messi e CR7 já são vovôs. 👴

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare