Con el gol a Venezuela, Neymar llegó a 67 gritos en la selección y quedó a diez gritos de convertirse en el máximo goleador de la historia de Brasil. Top (no jornal argentino ‘Olé’)

3 Comentarios

  1. Se não ganhar nenhuma das duas próximas Copas, Neymar obterá, pelo menos, esse grande feito, na sua carreira, de superar Pelé (tá fácil). Muito honrosa, essa marca, na minha avaliação…

  2. Suspeito que você é fã de Neymar mais do que gostaria, Paulo. Já fez diversos comentários elogiosos a ele, em tom de verdadeira admiração. Apesar de críticas pesadas tbm. Dos jogadores com a personalidade dele, parece ser o único que você se afeiçoou de alguma forma. 😂😂😂😂😂. Alguns comentários parecem até como de um pai para um filho rebelde, em tom aconselhador e preocupado. Acho que você até torce pelo seu sucesso na seleção e ficaria feliz se ele jogasse uma bolinha no 5ma11. Confesse, vá… 😂😂😂😂😂

  3. Pura observação. Eu o critico pelo que faz fora de campo (menos a falta de engajamento político ou social, pois isso ele não está obrigado a ter), mas, dentro de campo, sempre reconheci nele um excepcional talento (que só não foi mais longe pela teimosia em conduzir a bola). Acho que ele não tem características de Corinthians, mas quem poderia recusá-lo, hoje, no mundo?

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare