E a novela continua. O jogo entre Palmeiras e Flamengo continua suspenso. Neste domingo, o Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro indeferiu o mandado de segurança impetrado pela CBF e manteve a decisão de adiar a partida, que estava marcada para as 16h (de Brasília).  A decisão original foi tomada após uma ação do Sindeclubes, sindicato que representa funcionários de clubes do Rio de Janeiro. No documento, a entidade alegou “risco elevado de contágio” de coronavírus. O presidente do Sindeclubes é José Pinheiro dos Santos, funcionário da segurança do Flamengo. Segundo ele, a ação foi tomada após pedido dos próprios empregados rubro-negros. Com esta decisão, a próxima instância em que a CBF pode recorrer é no Tribunal Superior do Trabalho (TST).

2 Comentarios

  1. Parabéns a decisão da desembargadora. Fez o que era correto! Quem é contra é porque é oportunista: o adversário por querer se aproveitar do sub-20, a organizadora porque é subordinada a emissora de TV, e os antis porque gostam de ver o Fla se dando mal. Mas esse gostinho eles não terão, pelo menos hoje!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare