Nós estamos vindo de jogos decisivos. Pela intensidade dos jogos e da entrega, acabamos ficando sem algumas peças. Procurei usar o mesmo time de quarta (contra a Chapecoense). Começamos com dificuldades, trouxe o Ramiro para fazer aquilo que ele faz bem. Soltei o Pedrinho por dentro, mas o que mais me incomodou foram os erros de passe. No primeiro tempo, quando deu 62% de posse de bola para a gente, era claro que o adversário iria jogar no erro. A gente acabou errando bastante, e o Bahia soube aproveitar as oportunidades. Dá para jogar contra qualquer um. É um início, estamos vindo de decisões, isso tem que se entender também. O Bahia teve uma semana mais tranquila pois teve o resultado positivo de quatro (na Copa do Brasil) e a gente teve que buscar a virada dentro de casa. É muito cedo para falar. Até a parada da Copa América vai direcionar quem vai brigar pelo que, vaga na Libertadores… ali vai dar uma ideia de como será o campeonato”. FÁBIO CARILLE, técnico do Corinthians.

2 Comentarios

  1. Tem que ter elenco pra disputar esses campeonatos. O time vem de uma final de campeonato e um jogo decisivo no meio de semana. Carille errou, em não poupar. Talvez teriamos melhor sorte, com jogadores descansados.

  2. Tá certinho o Carille! Mas, pontos perdidos para o Bahêa são irrecuperáveis…

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare