Não foi boa a repercussão do anúncio, estrelado por Neymar, pedindo desculpas pelo fracasso na Copa. A propaganda da Gillette talvez tenha sido bem intencionada, mas logo as pessoas começam a imaginar quanto o nosso craque botou no bolso por esse “depoimento sincero”.

Talvez ainda dê tempo de corrigir alguma coisa. Talvez se ele revelasse o valor do contrato e, concomitantemente, anunciasse que estava doando tudo que arrecadou para alguma instituição de caridade…

De qualquer forma, ficou bastante claro que Neymar precisa de melhores assessores. Ou, como bem lembrou a minha amiga, jornalista Vanda Célia, em sua página no Twitter: “Shakespeare podia ter alguma razão ao afirmar que a paciência é a mais nobre das virtudes. Mas Shakespeare nunca conviveu com os marqueteiros equivocados do Neymar”.

2 Comentarios

  1. Aff, esses Neymares num perdem a oportunidade de faturar. Micão.

  2. Esse aí está como o Pelé antes de ter assessoria. Lembro-me que ele mesmo disse, ou um amigo, que o “negão” cobrava até por autógrafo…Deus dá asas a quem não sabe voar. Ah se eu tivesse o dom de jogar bola! Nem precisaria ser craque…

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare