O Al Wahda, dos Emirados Árabes, pediu à Fifa a execução do pagamento dos R$ 5,3 milhões que tem direito a receber e a punição ao Cruzeiro do rebaixamento à Série C. O motivo é o não pagamento da dívida referente ao empréstimo do volante Denilson, feito em 2016. A informação foi passada pelo presidente Sérgio Santos Rodrigues aos conselheiros do Cruzeiro na noite desta segunda-feira, durante assembleia para votar alienação de um imóvel da Raposa. A reunião foi transmitida ao vivo pelo clube.

1 Comentário

  1. Quem diria, hein? Cruzeiro sempre foi exemplo de gestão e organização, olhem em que situação estão metidos…

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare