O Fluminense não ganhava um título desde 2012 e a sua torcida tem o direito de festejar. Mas, sinceramente, essa Primeira Liga ainda não conseguiu emplacar. Pouco mais de 24 mil torcedores na final, no estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora, mas o conjunto da obra  foi, digamos assim, meio insosso.
Sem exagero, do ponto de vista de empolgação, rivalidade e representatividade, a Primeira Liga não chega aos pés da Lampions League, que é a Copa do Nordeste. A final será entre Santa Cruz e Campinense.
Imagem Globoesporte.com
Imagem Globoesporte.com

7 Comentarios

  1. Daqui alguns anos vão querer que CBF reconheça como título de Camp. Brasileiro!

    • Desnecessário essa alfinetada, se vocês tivessem ganho alguma Taça Brasil ou Robertão não reclamariam da unificação, mas como naquela época só ganhavam Paulista ficam desmerecendo quem ganhou esses campeonatos e Libertadores. Bem típico de vocês né Vagner?

      • Não sei se vc sabe, mas a maioria da imprensa desdenha dessa unificação que teve cunho politico da CBF. Outra coisa foi Odir Cunha, santista que fez o tal dossiê que pedia o reconhecimento, qem vai levar isso a sério?

        • Se o 5ma11 tivesse algum título para unificar, possivelmente algum 5ma11tiano da imprensa faria o que Odir fez, essa é a questão. Você pode até ser contra, mas outros possivelmente são a favor.

          • Se vc olhar o histórico do clube vai ver que temos, mas não precisamos disso e nem queremos, e não é somente eu que sou contra a imprensa em sua maioria e outros torcedores não leva a sério, tem até a piada dos títulos via fax!

  2. Vagner, não se orgulhe por não conhecer a história do futebol. Isso é motivo de vergonha. Todo cara de dois neurônios sabe que Palmeiras e Santos, os times que decidirão o terceiro título em dois amos, são os maiores campeões brasileiros.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare