O Santos mostrou ao Palmeiras como é que se joga na Libertadores. Pegou um time tão bom quanto o River e simplesmente botou na roda, botou no bolso.

Jogou sem medo desde o primeiro minuto. Criou muitas chances, foi dominando o adversário com muita qualidade técnica e organização tática. Além disso, com uma entrega dos jogadores fora do comum.

Quinze dias atrás, quando vimos pela TV o eletrizante Boca 2×2 River, pelo campeonato argentino, chegamos a temer (este blog, inclusive) que poderia acontecer uma final de Libertadores entre os dois maiores clubes argentinos. Uma festa em pleno Maracanã para nos matar de raiva e de inveja.

Mas deu Palmeiras x Santos. O Palmeiras aos trancos e barrancos, como vimos ontem, mas o Santos sobrando, com classe e show de bola em cima do poderoso Boca.

Como o ‘Olé’ acompanhou o olé que o Boca levou na Vila

6 Comentarios

  1. Prantos é um caso a ser estudado, mesmo com tantos problemas em um ano que tinha tudo pra ser caótico, ter chego a final da Libertadores não é pra qualquer um. Parabéns pelo bom futebol e pela vaga na final, tem grandes chances de ser campeão.

  2. Sem palavras pra esse time, sem palavras pra esse treinador e sem palavras para o que esses jogadores estão proporcionando aos amantes do futebol. Mais que a qualidade e a inteligência de todos os envolvidos, exceto a diretoria sem vergonha que temos, há de se destacar a gana, a entrega, a raça sem igual que esses caras, veteranos ou não, estão demonstrando. É lindo e emocionante de acompanhar essa jornada nunca antes vista na história do clube. Das outras vezes, tínhamos um jovem jogador que se destacava e, bem dizer, carregava o time e o protagonismo sozinhos, agora não… É o time todo que aparece, o conjunto. Temos um líder, dentro de campo, Marinho, e outro fora, Cuca, mas eles não se sobrepõem ao resto. Até porque, Marinho não tem a qualidade que tinham os outros raios que passaram pela Vila. Precisávamos desse roteiro. Parabéns a esses já campeões até aqui. Uma trajetória espetacular, derrubando com maestria grandes adversários. E vamos que vamos que ainda tem pedreira. Vai ser difícil, mas o time já mostrou do que é capaz.

  3. Eu tô em êxtase. Só quero curtir esse momento sem igual. Nem em 2011 eu tava assim. 😁😁😁😁😁😁🥳🥳🎉🎉

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare