O fim de semana serviu para definir os 4 times que vão subir da série B para a série A: Sport, Bragantino, Coritiba e Atlético-GO. E na rodada da do domingão, um verdadeiro show do Flamengo em cima do Palmeiras, que culminou com a demissão do técnico Mano Menezes e do diretor Alexandre Mattos. O Flamengo segue em festa permanente.
Aos 32 anos de idade, Lionel Messi foi eleito mais uma vez o melhor jogador do mundo. Dessa vez, o craque argentino venceu a premiação entregue pela revista ‘France Football’, nesta segunda-feira, após também ter vencido o prêmio ‘The Best’ da Fifa, em setembro deste ano. Messi acumula sua sexta Bola de Ouro, já que também venceu o prêmio em 2008/2009, 2009/2010, 2010/2011, 2011/2012, 2014/2015 e agora, também em 2019/2019.
O Vasco, numa campanha inacreditavelmente bem sucedida, em apenas uma semana passou de 33 mil sócios torcedores para 140 mil. O time cruzmaltino desbancou o rival Flamengo e, nesta terça-feira  passou a ser o clube com o maior número de associados do Brasil. Há duas semanas, o Vasco era apenas o oitavo, atrás de Sport, Bahia, Corinthians, Grêmio, Atlético-MG, Internacional e do Rubro-Negro. Vale lembrar que o Corinthians passou muitos meses como líder do sócio torcedor, mas, hoje, está apenas em sexto lugar, com 81 mil.
O Corinthians garantiu presença na Libertadores, ainda que apenas na fase eliminatória, ao vencer o Ceará, em Fortaleza. O resultado deixou o time cearense bem complicado na luta contra o rebaixamento. O São Paulo reabilitou-se dos últimos insucessos e bateu o Internacional, no Morumbi. É outro paulista garantido na Libertadores, assim como Palmeiras e Santos que já estavam classificados.
Se dentro de campo o Corinthians deixou a desejar, com um desempenho bem abaixo e resultados ruins, fora dele a situação também é bastante complicada. O clube do Parque São Jorge registrou um déficit de R$ 94,9 milhões no primeiro semestre deste ano. O valor, que não engloba a dívida com a Arena Corinthians, é justificado por gastos excessivos com futebol, como folha salarial e pouco dinheiro arrecadado com venda de jogadores. Apesar do título do Paulistão, o departamento está no vermelho em R$ 68,4 milhões.
Esta é a grande notícia na Itália. Segundo o jornal La República, o bilionário francês Bernard Arnault quer comprar o Milan. Bernard Jean Étienne Arnault  é o presidente e diretor executivo da LVMH, a maior empresa de artigos de luxo do mundo. A quarta fortuna do mundo, de acordo com a Forbes. Seu planejamento inicial é dar preferência a contratação de Lionel Messi como referência em campo ;e Guardiola no banco. Arnault, segundo a midia italiana, está disposto a investir o dinheiro necessário.

1 Comentário

  1. Eu não sabia que 2020 seria o primeiro ano em que os 4 grandes jogariam a LA. Promete!!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare