Na rodada do fim de semana do Brasileirão, destaque para o empate entre Inter 0x0 Corinthians. O Timão armou-se bem na defesa e saiu de Porto Alegre satisfeito com o resultado. Em São Paulo, o Palmeiras não soube aproveitar o tropeço do Santos, que, no sábado, perdeu para o São Paulo. O Verdão ficou apenas no empate com o Bahia, jogando em casa. Restou-se apenas reclamar do VAR, que marcou dois pênaltis para os baianos.
O Brasil festeja boa participação nos Jogos Pan-Americanos, Terminou com uma campanha histórica superando marcas em total de medalhas conquistadas e também alcançando o maior número de ouros na competição: no total foram 171 pódios para o Time Brasil, sendo 55 ouros, 45 pratas e 71 bronzes. A marca superou o melhor desempenho do País, que ocorreu em 2007, quando a competição foi disputada no Rio. Naquela oportunidade o Brasil obteve um total de 157 medalhas, sendo 52 de ouro, 40 de prata e 65 de bronze. Foi a nossa campanha desde 1995. Agora é tentar repetir o bom desempenho nos Jogos Olímpicos do Japão, em 2020.
Virou uma guerra aberta e escancarada entre Real Madrid e Barcelona a disputa por Neymar. Os dois principais jornais esportivos de Madrid saíram  capas dedicadas ao craque brasileiro. O jornal Ás pergunta: quem precisa mais de Neymar, Barça ou Real? Mostra que o Real Madrid está desesperado, depois de uma pre-temporada desastrosa. E  que o Barcelona poderá investir em Neymar para evitar que o rival se reforce. O Marca apresenta a principal arma do barcelona para contratar Neymar: Lionel Messi. O melhor jogador do mundo é muito amigo de Neymar e foi acionado pela diretoria do clube para fazer um apelo pessoal para convencer-lo.
Corinthians e Palmeiras vivem momentos opostos após o retorno do futebol brasileiro pós-pausa para a Copa América. O Timão ainda não foi derrotado e tem aproveitamento de 67% no Brasileirão de lá para cá. Já o Verdão vive um momento de seca e ainda não conseguiu vencer após a volta do torneio. O aproveitamento do atual campeão é de 27% desde a volta do Brasileirão. Para que se tenha uma idéia, a campanha do Verdão pós-Copa América é bem inferior, por exemplo, à campanha do Vasco, de Luxemburgo. O torcedor tem motivos para se preocupar.
O Grêmio fez 2×0 no Atlhetico e encaminhou a classificação para a final da Copa do Brasil. O Inter, na semana passada, ganhou do Cruzeiro fora de casa. Na Libertadores, se o Grêmio passar pelo Palmeiras e o Inter pelo Flamengo, teremos então outro Grenal decisivo ainda este ano. Isso não é mais mata-mata, é uma “matança” de torcedor. Em Porto Alegre,  neste meio de semana, prevaleceu a frieza de quem está habituado a viver o ambiente de uma decisão. O Grêmio dominou e venceu o Athletico-PR por 2 a 0 na Arena,  com gols de  André e Jean Pyerre. O time de Renato Gaúcho voltou a encantar.
 
A seleção brasileira está convocada para a próxima rodada de amistosos, contra Colômbia e Peru, que acontece no início do próximo mês. Diante de alguns problemas, como a suspensão de Gabriel Jesus e a lesão de Alisson, e diante do processo de renovação que se faz presente desde o fim da Copa do Mundo da Rússia, a lista divulgada pelo técnico Tite tem algumas novidades. A começar pela posição de goleiro, em que Ivan, da Ponte Preta, e Weverton, do Palmeiras, foram convocados ao lado de Ederson, do Manchester City. A apresentação dos jogadores está marcada para o dia 1° de setembro, nos Estados Unidos. No dia 6, às 22h30 (de Brasília), em Miami, a Seleção enfrenta a Colômbia. No dia 10, às 23h30, em Los Angeles, o adversário será o Peru.

1 Comentário

  1. Eu acho que Neymeco vai pro Real.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare