Corinthians 2×1 São Paulo foi um jogo truncado, equilibrado, mas prevaleceu o fator torcida. Sim, a Fiel compareceu em massa (46 mil pessoas), quebrou o recorde do Itaquerão e empurrou o time pa frente.
É sempre assim: a Fiel Torcida já atravessou o mundo para ajudar o time a derrotar o Chelsea. Hoje não poderia ser diferente. O jogo, como falei, foi parelha. Qualquer um poderia ganhar. O Corinthians hoje é um time que precisa de ajustes, muitos ajustes. 
Tem dois laterais muito bons. Eu acho que Fagner é o melhor substituto para Daniel Alves na seleção brasileira. Um lateral que marca forte e sabe atacar com extrema eficiência.  Danilo Avelar é uma grata surpresa pela esquerda e fez todo mundo esquecer do Arana, que esteve para ser repatriado.
O meio de campo está congestionado de marcadores. Falta talvez um ponta de lança que chega mais perto do centroavante. Gustavo anda sem confiança. Saiu para a entrada de Boselli, que perece ainda não ter compreendido o que e Corinthians. Boselli é preguiçoso.
Mas Vagner Love, que entrou no lugar de Pedrinho, acabou sendo o herói da partida. Acho que Carelli deve insistir na dupla Vagner/Gustavo. O caminho é este. E o jovem técnico Fábio Carelli sabe o que faz: três títulos paulistas e um brasileiro em três anos de carreira. É um gigante.
Importante destacar a notável recuperação do São Paulo a partir da segunda fase. Um time de garotos que vai ganhar reforços valiosíssimos esta semana. O São Paulo vai longe, acredito.
E o Corinthians, por enquanto, deve comemorar o tricampeonato comedidamente porque quarta-feira já tem outra “final”  contra a Chapecoense pela Copa do Brasil. E a torcida estará novamente empurrando o time pra frente. É sempre assim.
                                                                 OUTROS CAMPEÕES ESTADUAIS

Artes da página do Fox Sports/Instagram

7 Comentarios

  1. Eu não tinha dúvidas da conquista. Eles não perderiam esse título nem a pau juvenal. Acho que tem uma força sobrenatural que não permite que o 5ma11 perca certos títulos. Nenhum time fez um campeonato espetacular, por isso, qualquer um que ganhasse teria sido justo. Mas por que o 5ma11? Por que não o Santos e a Porcada que investiram bem mais? Ou Timeco do Morumbi pra quebrar o seu longo jejum? Por que não um timeco qualquer do interior? É por essas e outras que quando vem 5ma11tiano choramingar e falar de sofrimento e quetais me dói logo o juízo. Torcer para um time como esse, que na hora do vamos ver, não foge da raia, não deve ser nada ruim.

  2. Pra quê essa foto de RC no destaque do campeão cearense? Os jogadores que deveriam aparecer mais. Piada. 👎👎

  3. Parabéns, Marcondes! O único jornalista da imprensa brasileira (Fágner foi elogiado pelos gringos, pela participação na Copa) que reconhece as qualidades do lateral corinthiano. Ele é, simplesmente, o melhor lateral em atividade no Brasil. Mas o clubismo impede a mídia tupiniquim de reconhecer isso. Pena!

  4. Quanto ao jogo, achei dentro do previsto. O Corinthians mereceu, a meu ver, pois demonstrou um pouco mais de solidez (o gol dos bambis foi a única chance real que eles tiveram, e foi fruto de uma falha da defesa corinthiana). Mas confesso que não esperava um time do SPFW com tantos garotos. Pela 1ª vez desde a época Cilinho, parece que eles acharam um time formado na base. E o Brasileirão promete, com os 4 times de São Paulo em condições de ganhá-lo. Somando Gaymio, Entregacional (que eu acho que não chega), Meiguinho (pra ganhar, porém, só com ajuda da Globo e da arbitragem) e Marias, o bicho vai pegar…

  5. Gostei da postura do time, técnicamente longe de ser brilhante, mas não faltou entrega. E a atmosfera crida pela torcida na arena, foi espetacular. 🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆🏆 VAI CORINTHIANS!

  6. Melhor jogar feio e levantar títulos do que jogar bonito e ficar 22 anos na fila como ficamos antes de 1977. Cansei de ver o Corinthians massacrar o Juventos do Milton Buzzeto e no fim do jogo sair derrotado, assim era contra os times do interior e até contra os Grandes.Lembro de um São Paulo x Corinthians no Morumbi, o Corinthians atacou, atacou e aos 44 minutos do segundo tempo, o Terto escapou pela direita, cruzou e o Toninho Guerreiro fez de cabeça.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare