Blog do Milton Neves (UOL):

Pois é, meus amigos…

O Apito Amigo, que andava sumido, resolveu dar as caras hoje lá pelos lados de Itaquera.

Afinal, não fosse pelo “empurrãozinho” da arbitragem, o Corinthians não teria vencido a Ponte Preta nesta noite, pelo placar de 2 a 1.

Isso porque a arbitragem não marcou claríssimo pênalti para a Macaca após o zagueiro Vilson “jogar vôlei” na área corintiana.

E em lance muito semelhante, já no final do jogo, o árbitro marcou penalidade para o Corinthians após toque de mão de Fábio Ferreira.

Dá para entender o critério?

Sorte que o ótimo goleiro João Carlos defendeu a cobrança (e ele já havia defendido uma na primeira etapa).

Enfim, com gols marcados meio que na sorte por Romero e por Balbuena, o Timão conseguiu mais um triunfo jogando em seus domínios.

E não é coincidência os dois paraguaios do time terem anotado os tentos.

Isso porque o Corinthians, neste ano, será um legítimo cavalo paraguaio!

Podem anotar!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare