Após reuniões virtuais acaloradas entre dirigentes, federações e a CBF (Confederação Brasileira de Futebol), o Campeonato Brasileiro da Série A chega ao final do primeiro turno sem perspectivas concretas de ter torcida nas arquibancadas e com estimativa de perdas de centenas de milhões. A informação é de Carlos Petrocilo, na Folha.
Os quatro grandes clubes de São Paulo, somados, preveem R$ 197 milhões de perdas.
A restrição ao público, medida necessária para mitigar a transmissão do coronavírus, interrompeu lucros com a comercialização de ingressos e toda a cadeia comercial do evento, incluindo serviço de estacionamento, venda de produtos do time e consumo de alimentos e bebidas.

2 Comentarios

  1. Todos estão tendo prejuízo nessa pandemia. Só os bilionários que não. O rico fica mais rico e o pobre mais pobre.

  2. Quem sabe aprendam a administrar.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare