Um dos brasileiros gravados gritando “buc… rosa” para uma mulher russa durante a Copa do Mundo de 2018 acionou a TV Globo na Justiça para tentar retirar do ar conteúdos que mostrem o episódio, segundo apurou Pedro Lopes no ‘De Primeira’, no UOL. Com iniciais L. S. J. (o processo corre, por enquanto, em segredo de Justiça), o homem alega ter sofrido “verdadeiro linchamento moral” causado pela publicação do seu envolvimento no caso de assédio, que ocorreu no dia 16 de junho de 2018. Na ocasião, um grupo de pelo menos quatro homens brasileiros cercou uma mulher russa pulando e gritando “b.. rosa” sem que ela entendesse o que estava acontecendo. O primeiro pedido para a remoção de conteúdo, em caráterliminar, foi recusado pela Justiça. A Globo Comunicação e Participações S.A. ainda não foi citada no processo.

6 Comentarios

  1. Deixa esse “boca porca” passar vergonha. Pra aprender a ter respeito pelas pessoas.

  2. Os homens brasileiros estão cada dia mais infantilizados, além de vulgares ao extremo…depois, se arrependem…ou não…

  3. Meu pai já dizia,”Quem fala o quequer, ouve o que não quer”. O coitado, tá tistinho é? Aprenda com os erros que é melhor, com esse processo conseguiu desenterrar, e voltar a toba, um assunto esquecido pela mídia.

  4. Corrigir, “Voltar a tona”.

  5. Eu até hoje não entendi essa frase, mas pra mim todo babacão devia aprender uma lição, ainda mais se nunca teve educação.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare