Foi acatada na noite desta segunda-feira a ordem para o meia Gustavo Scarpa se vincular a qualquer clube. O blog de Marcos Paulo Lima (Correio Braziliense) apurou que o advogado Maurício Correia da Veiga entrou com pedido de habeas corpus no Tribunal Superior do Trabalho (TST). O HC  foi deferido pelo ministro relator Alexandre de Souza Agra Belmonte.

No despacho, ele diz: “Defiro liminarmente a ordem habeas corpus, a fim de autorizar o paciente (Gustavo Scarpa) a estar livre para exercer suas atividades profissionais perante o clube que escolher, valendo esta decisão como mandado inclusive para para registro de novo contrato em Federação ou Confederação de futebol, permanecendo sub judice demais questões que emergem da rescisão contratual”. As federações e a CBF seriam avisadas ainda hoje da decisão.

Gustavo Scarpa começou a temporada no Palmeiras depois de alegar que o Fluminense não estava pagando salários e os depósitos de FGTS. Chegou a estrear pelo alviverde. No entanto, o tricolor carioca recorreu. Nesta segunda-feira, a novela teve mais um capítulo.

1 Comentário

  1. Isso ainda vai dar pano pra manga, algum clube tem que chegar a um acordo com o Fluminense.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare