Captura de Tela 2017-11-23 às 06.34.01Futebol e política quando resolvem se juntar o resultado nunca é bom. Pois agora vai piorar. O PT, PDT e o PSOL assinam um documento direcionado ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), em que acusam o Grupo Globo de ter ferido a lei de Defesa da Concorrência no escândalo de corrupção da Fifa. A informação é da colunista da Folha de S. Paulo, Mônica Bergamo.
Segundo a colunista, as legendas dos partidos acionaram a Procuradoria-Geral da República (PGR) para a investigação de eventuais crimes e pediram ao Ministério da Ciência e Tecnologia a cassação da concessão da TV, sob a acusação de infração da Lei Geral de Telecomunicações.
O Grupo Globo foi acusado de pagar propina de US$ 15 milhões, junto com a empresa mexicana Televisa, pelos direitos de transmissão via TV, rádio e internet das Copas do Mundo de 2026 e 2030. O valor teria sido depositado no banco Julius Bär, na Suíça.
Em depoimento sobre o escândalo, Alejandro Burzaco, ex-homem forte da companhia de marketing argentina Torneos y Competencias SA, menciona 14 vezes o Grupo Globo, perante a juíza Pamela Chen, que comanda o caso no Tribunal do Brooklyn, em Nova York.
O delator apontou o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Marco Polo del Nero, como chefe do esquema de corrupção, mesmo na época em que a entidade era presidida por José Maria Marin.

4 Comentarios

  1. Esses partidos, deveriam se preocupar com outras coisas!

  2. Querem tirar de uma Empresa brasileira para entregar para Empresa estrangeira?Já não bastam nossas Estatais, Indústrias Privadas brasileiras entre outros seguimentos que estão indo todas para as estrangeiras?Brasil Pais de Tolos.

  3. O que teriam que fazer é impedir o monopólio do futebol, atualmente nas mãos da Globo. Mas há um risco: se os direitos de transmissão tiverem que ser, necessariamente, repartidos, como preservar o melhor lance, o mais interessante, para os clubes? Sim, porque duas ou mais emissoras podem formar um “pool” e cartelizar o futebol, pagando pouco…de resto, a Globo precisa ser mais investigada, realmente, e não só nesse episódio FIFA/CBF/CONMEBOL! Será que o nosso glorioso Ministério Público terá coragem?

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Logo Qualitare